STF concede liberdade condicional a Geddel no caso das malas de dinheiro



Ex-ministro dos governos Lula e Temer mantinha malas com cerca de R$ 51 milhões em espécie em apartamento. Foto: ABR e Ascom PF

Ex-ministro dos governos Lula e Temer mantinha malas com cerca de R$ 51 milhões em espécie em apartamento

Porto Velho, RO - O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), liberou o ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB-BA) para cumprir em liberdade condicional a pena de 13 anos e 4 meses pelo caso das malas com R$ 51 milhões em dinheiro encontradas em apartamento do político.

De acordo com a decisão de Fachin desta terça (8), a pena de Geddel também foi reduzida em 681 dias, quase dois anos em decorrência dos “cursos de capacitação” que frequentou e pela aprovação no Enem.

Ex-ministro dos governos Lula e Temer, Geddel foi preso em 2017 e havia progredido para o regime semiaberto em setembro de 2021.


Fonte: Por André Brito
Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem