Fazendeiro cai no golpe da “novinha” e perde mais de 80 mil reais




Foto: Reprodução

Porto Velho, RO - Se passando por garotas lindas e atraentes, golpistas tem convidado homens geralmente comprometidos para bate papo privado em redes sociais. Com objetivo de ganhar dinheiro de forma fácil, se escondem atrás de perfis falsos com fotos muito sensuais.

Os homens completamente seduzidos e eufóricos, acabam enviando fotos e até mesmo vídeos íntimo se tornando presas fáceis para criminosos de plantão que passam a extorquir essas vítimas que na maioria das vezes os casos não chegam ao conhecimento da polícia local.

Esse crime virtual batizado de ‘golpe da novinha ou nudez’, já fez inúmeras vítimas na cidade de Juína, no Mato Grosso, que ameaçado pelos golpistas em expor o que rolou “escondidinhos” (vídeos e fotos) acabam depositando dinheiro ou fazendo um pix na conta dos criminosos.

Foi o caso de um senhor, um idoso que não teve nome e idade revelada, no entanto, o Juína News apurou que se trata de um fazendeiro que perdeu 85 mil reais ao cair nesse golpe, como explicou o delegado titular da delegacia de polícia Dr. Ronaldo Binoti Filho.

Conforme o delegado, a vítima depositou cerca de R$ 85.000.00, após uma suposta jovem ter entrado em contato com ele pelas redes sociais, e após algumas trocas de mensagens e fotos íntimas (nudes), houve o contato de um suposto pai da menina que se diz menor de idade, e que ameaça denunciar o caso para as autoridades policiais, e mediante a aflição da vítima, o golpista propõe um acordo financeiro.

Dr. Ronaldo Binoti Filho explica que tudo é planejado pelas quadrilhas, uma vez que a menina do primeiro contato nunca existiu na verdade, e fazendo uso de um outro número de telefone que geralmente está ligado a fotos de autoridades policiais, passam a fazer ameaças para que o pagamento da “negociação” seja feito, caso contrário, a denúncia será levada para as autoridades e a vítima será presa e processada, entretanto, tudo não passa de uma modalidade de extorquir dinheiro das vítimas, disse o delegado, que lembrou ainda que uma vez que a vítima efetua o pagamento dificilmente tem a chance de recuperar os valores depositados, pois as quadrilhas usam de uma dinâmica muito rápida para a lavagem de dinheiro do crime.

A Polícia Judiciária Civil faz a seguinte recomendação para a prevenção deste tipo de golpe. Importante que as vítimas bloqueiem os números de contato e comunique as autoridades policiais o mais rápido possível, pois as autoridades policiais não tem poder de fazer transação penal contra quem quer que seja, ressalvo em alguns casos, mas nunca em casos de golpes, o aconselhável a não fazer qualquer pagamento a golpistas.

Outros golpes também tem feito vítimas não só em Juína, mas em todo país que são do falso familiar que manda mensagem com a conversa que trocou de número e pede uma quantia em dinheiro e do criminoso que é supostamente faccionado que ameaça a pessoa a acusando de ter feito denúncia que este estaria no tráfico de drogas e para tal também pede dinheiro via chave pix para que nada venha lhe acontecer.

Por nativanews
Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem